Reconhecimento de Habilitação Estrangeira

O que é?

É o reconhecimento da carteira estrangeira no Brasil. Serão reconhecidos os documentos de habilitação, com data de validade em vigor, dos países amparados por Acordos ou Convenções Internacionais, assinados e ratificados pelo Brasil, ou ainda pelo Princípio da Reciprocidade.

Pré-Requisitos

Ser habilitado em um dos países abaixo:

África do Sul – Albânia - Alemanha – Arábia Saudita – Anguilla - Angola - Argélia - Argentina – Armênia – Arquip. de San Andres - Áustria - Austrália – Azerbaijão - Bahamas - Bareine - Bélgica  Bermudas– Bielorrússia - Bolívia - Bósnia e Herzegovina- Bulgária – Catar - Cabo Verde – Canadá - Cazaquistão – Cayman – Ceuta e Melilla - Chile - Cingapura - Colômbia - Coréia do Sul - Costa do Marfim - Costa Rica - Croácia - Cuba - Dinamarca – El Salvador – Emirados Árabes Unidos - Equador - – Escócia  Eslováquia - Eslovênia - Espanha - Estados Unidos - Estônia – Federação Russa - Filipinas - Finlândia - França - Gabão - Gana - Geórgia – Gibraltar – Grã-Bretanha - Grécia - Guatemala - Guiana - Guiné Bissau - Haiti - Holanda - Honduras - Hungria – Ilha de Pitcairn – Ilha Norfolk – Ilhas Cayman – Ilhas Cocos – Ilhas Cook – Ilhas do Canal – Ilhas Geórgia e Sandwich do Sul – Ilhas Virgens - Indonésia – Inglaterra - Irã – Iraque – Irlanda do Norte -  Israel - Itália - - Kuwaite - Letônia – Libéria - Líbia - Lituânia - Luxemburgo - Macedônia  Malvinas ou Ilhas Falkland - Marrocos - México - Moldávia – Mônaco - Mongólia – Montenegro – Montserrat - Namíbia - Nicarágua - Niger – Niue - Noruega - Nova Zelândia  Nueva Esparta – País de Gales - Panamá - Paquistão - Paraguai - Peru - Polônia - Portugal  Quênia – Quirguistão - Reino Unido  - Rep. Centro Africana - Rep. Dem. Congo - Rep. Dominicana - Rep. Tcheca - Romênia - San Marino  Santa Helena - São Tomé e Príncipe - Senegal – Sérvia - Seycheles - Suécia - Suíça - Tadjiquistão Terras Austrais e Antártica – Território Britânico na Antártica – Território Britânico no Oceano Índico – Toquelau -- Tunísia – Turcas e Caicos - Turcomenistão – Turquia - Ucrânia - Uruguai - Uzbequistão - Venezuela - Vietnã- Zimbábue.

Observação: a habilitação estrangeira obtida no Paraguai será reconhecida para condução de veículo automotor na circunscrição do Estado do Rio Grande do Sul, aos brasileiros ou estrangeiros com visto de estada (RNE) permanente, temporário, refugiado ou asilado, desde que apresentada certidão da autoridade competente pela emissão da habilitação onde seja informado ter o condutor realizado todos os exames previstos na legislação de trânsito, vistada pela autoridade consular do Brasil no Paraguai.

Forma de Solicitação

  1. Compareça a um CFC (Centro de Formação de Condutores) do seu município de residência ou domicílio;
  2. Apresente a documentação necessária;
  3. Obtenha a guia GAD-E para pagamento das taxas que possibilitarão a expedição do documento de habilitação;
  4. Efetue o pagamento das taxas  em qualquer dos bancos conveniados;
  5. Realize exame de sanidade física e mental, avaliação psicológica, curso ou prova de atualização;
  6. Aguarde a chegada do novo documento para retirada no CFC.

Documentos Necessários

    Condutor estrangeiro habilitado em outro país:
  • Requerimento assinado pelo condutor solicitando o registro/reconhecimento da habilitação estrangeira;
  • Documento de habilitação estrangeira com data de validade em vigor e cópia autenticada;
  • Tradução oficial do documento de habilitação estrangeira (original), se não for país de língua portuguesa – por tradutor público juramentado no Brasil, devidamente registrada no Serviço de Registro de Títulos e Documentos;
  • Documento de identificação do condutor  (RNE ou Extrato do RNE, ambos fornecidos pela Polícia Federal, ou protocolo de identificação de refúgio – CONARE) original e cópia autenticada; ;
  • Cópia do CPF ou comprovante de inscrição no CPF, emitido através do sítio da RFB;
  • Comprovante de residência no RS(conta de água, luz, gás, telefone ou contrato de locação ou recibo de entrega do IR) e cópia ou declaração de residência assinada no CFC.
    Condutor brasileiro habilitado em outro país:
  • Requerimento assinado pelo condutor solicitando o registro/reconhecimento da habilitação estrangeira;
  • Documento de habilitação estrangeira com data de validade em vigor e cópia autenticada;
  • Tradução oficial do documento de habilitação estrangeira (original), se não for país de língua portuguesa – por tradutor público juramentado no Brasil, devidamente registrada no Serviço de Registro de Títulos e Documentos.
  • Documento de identificação do condutor e cópia. Não sendo o documento de identificação expedido pelo RS, cópia autenticada;
  • Cópia do CPF ou comprovante de inscrição no CPF, emitido através do sítio da RFB;
  • Comprovante de residência no RS (conta de água, luz, gás, telefone ou contrato de locação ou recibo de entrega do IR) e cópia ou declaração de residência assinada no CFC;
  • Comprovante de residência no País onde foi habilitado, de no mínimo 06 (seis) meses antes da data de expedição da CNH estrangeira e cópia autenticada ou atestado/declaração/certidão de residência emitido pela autoridade consular do Brasil no país de origem da habilitação.
Observação: caso o documento de habilitação não especifique os tipos de veículos para os quais o condutor está habilitado a conduzir, o mesmo deverá anexar documento expedido pelo Governo do país de origem (Consulado/ Embaixada/ Órgão de Trânsito) com tal especificação.

Prazo

Não há definição de prazo para a análise da documentação. Aprovada a documentação e realizadas as etapas com sucesso, o documento de habilitação brasileiro leva cerca de cinco dias úteis para ficar disponível para retirada no CFC (Centro de Formação de Condutores).

Quanto custa?

  • Exame de aptidão física e mental: R$ 70,82
  • Avaliação psicológica: R$ 70,82
  • Exame teórico: R$ 38,57 ou
  • Curso teórico (15 aulas): R$ 125,70
  • Expedição do documento de habilitação: R$ 55,42

Total realizando o exame teórico: R$ 235,63 ou

Total realizando o curso teórico: R$ 322,76

Onde pagar?

A GAD-E é paga através dos bancos conveniados: Banco do Brasil (somente para correntistas), Banrisul, Caixa Econômica Federal, Santander, Sicredi ou Bradesco. Valores referentes a aulas que eventualmente sejam realizadas são pagos diretamente no CFC (consulte as condições de pagamento no Centro de sua preferência).

Onde Fazer?

A solicitação  do registro de CNH estrangeira deve ser feita em um CFC (Centro de Formação de Condutores) de residência ou domicílio do condutor.


 

CFC Alvorada
Auto Escola em Alvorada/RS
Primeira habilitação, renovação, adição de categoria
Habilitação definitiva, aula simulador, PID - Permissão Internacional para dirigir, reciclagem, segunda via, reconhecimento de habilitação estrangeira, mudança e categoria D, alteração de informações da CNH .

Av. Getúlio Vargas, 1200 , Bela Vista, Alvorada / RS | CEP: 94.810-002
Em frente a parada 45 de Alvorada
Fones: (51) 3044-2727 / 3044-3666 / 3044-2606 / 3483-1408
nosso e-mail: cfcalvorada@hotmail.com

 
  criação: sitesrapidos.com.br